sábado, setembro 27, 2008

Como fazer um coque perfeito


Foto retirada deste site.
Como fazer um coque perfeito

Toda a bailarina deve saber que para freqüentar as aulas de ballet é necessário estar com os cabelos bem presos. Sendo assim, a opção mais adequada é estar de coque.
Mas muitas não sabem como fazê-lo. Abaixo, seguem as dicas.


Material
  • Escova e pente fino;
  • Elástico da cor do seu cabelo;
  • Gel fixador capilar;
  • Grampos da cor do seu cabelo (o número varia de acordo com o comprimento do cabelo);
  • Redinha da cor do seu cabelo (para as apresentações, o adequado é estar com a redinha transparente, aquela que parece uma teia de aranha);

Passo-a-passo

1. Com os cabelos umedecidos (não precisam estar encharcados de água), desembarace-os com uma escova ou pente.
 
2. Depois disso, passe o gel no topo da cabeça, espalhando-o pouco a pouco.

3. Pegue a escova e vá puxando os cabelos da nuca para cima, até chegar na altura que desejar (de preferência, no meio da cabeça. Se for espetáculo, no topo). Faça isso com o resto do cabelo. Vá puxando e segurando com a mão.

4. Depois disso, pegue o pente fino e vá penteando os cabelos para trás.
 
5. Prenda com a liguinha. Está pronto o rabo de cavalo.

6. Depois do rabo de cavalo pronto, pegue o cabelo e torça-o.

7. Vá fazendo um círculo com ele por volta da liga que o prendeu, e ao mesmo tempo, vá colocando os grampos.

8. Depois de terminar o coque, coloque a redinha e fixe-a com pelo menos um grampo. Seu coque está pronto!

Obs.: se desejar, para seu coque ficar ainda mais bonito, utilize um arranjo, fica a seu critério.


.
Isabela Sousa

domingo, setembro 14, 2008

Como esconder a sujeira de suas sapatilhas (com Nugget e pancake)


Como esconder a sujeira de sua sapatilhas
(com Nugget e pancake)

Materiais
  1. Nugget branco
  2. Base de rosto de cor bege rosado.
Passo-a-passo
Acho que todo mundo conhece o Nugget. Ele é um tipo de graxa para sapatos, encontrado em qualquer mercado, por mais ou menos R$3,50, e já vem com um aplicador/dosador.

  1.  Misture pouco a pouco a base no Nugget; é importante ir mexendo bem e observando a cor que vai ficando o produto (cuidado pra não exagerar na dosagem da base!)
  2. Com a mistura pronta, aplique-a com o próprio aplicador que vem na embalagem do Nugget por toda a sapatilha (é melhor ter lavado ela antes).
  3. Deixe a sapatilha secando em um local com sol.

Outra dica: para as suas sapatilhas ficarem mais novas ainda, corte os fios de cetim desgastados.

Beijos,

Isabela Sousa


Como limpar suas sapatilhas de ponta (e as de meia-ponta também)

Hoje nós iremos fazer um tutorial sobre como limpar as sapatilhas de balé, tanto as de ponta, como as de meia-ponta. Obs.: eu só tenho sapatilhas de meia-ponta de couro, não sei se isso funciona com as de pano também.

Passo-a-passo

Primeiramente irei falar sobre os produtos específicos para isso. O que eu uso é o Veja Multiuso. É um frasco grande, azul, de tampa vermelha. Vende em qualquer supermercado, e onde eu moro, custa R$ 2,39. Outro produto que ouço falar que também é bom, é o Brilhante Gel, eu não conheço, mas acho que também vende em qualquer supermercado.

1ª: umedeça um chumaço de algodão em um dos produtos citados acima, esfregue bem na área suja da sapatilha até se tornar visível a limpeza da mesma;
2ª: Deixe as sapatilhas em uma área em que elas possam pegar sol, para secarem. Após secar, use como antes, normalmente.

Obs.: os produtos não tiram o desgaste do cetim da sapatilhas, apenas a sujeira. Se você não sentir a limpeza da sapatilha, o jeito é passar Nugget.

Beijos,

Isabela Sousa

sábado, julho 19, 2008

Método da Royal Academy Of Dance


A Real Academia de Dança (RDA) de Londres, foi fundada em 1920 por um grupo de artistas profissionais da dança reunidos por Phillip Richardson, editor do jornal Dancing Times. A Academia combina métodos e técnicas de dança franceses, italianos e russos para criar um estilo único de balé.
Representando os princípais métodos de ensino e da prática de dança da época, o grupo formou a Associação de Professores de Dança da Grã-Bretanha e pelos próximos dezesseis anos cresceu em tamanho e influência, o que a levou a receber um selo real. No último encontro do Conselho Privado do Rei Jorge V em 1936, a Associação tornou-se a Real Academia de Dança.
Com mais de quinze mil membros em 82 países diferentes, a Academia é uma das mais maiores e mais influentes organizações de ensino e prática de dança do mundo. Seus membros recebem uma revista especializada três vezes por ano e ela tem a maior banca examinadora de balé clássico do mundo, perante a qual cerca de 200 mil candidatos prestam exames durante todo o ano para ingresso nos cursos ministrados.
Muitos dos alunos que se formam na Academia nas primeiras colocações dos concursos internos e internacionais que ela promove anualmente, são convidados depois a se juntarem ao Royal Ballet de Londres.

A Royal faz provas anuais em todo o Brasil em alunas brasileiras de diversas escolas do país. A prova vale 100 pontos e a media é 50. A prova está dividida em:
1. Técnica 1-10 pontos
2. Técnica 2-10 pontos
3. Study-10 pontos
4. Técnica do study-10 pontos
5. Ritmo- 10 pontos
6. Musicalidade -10 pontos
7. Expressão-10 pontos
8. Caráter-10 pontos
9. Dança final-20 pontos
Para alunas que obtem a nota acima de 85 é concedida uma medalha de mérito. As alunas que passam com menos de 85 e mais de 50 ganham um certificado com a nota e um diploma.