sexta-feira, novembro 26, 2010

Ser bailarina (Entre Pontas e Piruetas)

O Eduardo Pereira, de São Paulo, me enviou um lindo poema, escrito por ele, que gostaria que fosse publicado aqui.


Entre pontas e piruetas
Ser bailarina é tocar o céu com as pontas dos pés,
Caminhar com as palmas das mãos nas nuvens.
É ter o pé calejado da sapatilha,
Os dedos machucados da ponta.
Ser bailarina é ter o corpo de mola,
É planar no palco a cada salto,
Encantar a platéia com as piruetas,
É desafiar os jurados.
Ter vocabulário e moda própria,
Contar todas as músicas a partir do 5,
É comer o que não pode e ter medo engordar.
Ser bailarina é ter maquiagem brilhante,
É trocar de roupa sem vergonha no camarim,
É ter penteados extravagantes e figurinos deslumbrantes.
Ser bailarina é desejar um segundo a mais na coreografia,
É enfrentar o medo de um solo clássico,
É chorar de alegria, de alívio, de decepção.
Ser bailarina é levar a família inteira ao teatro,
Ouvir a música com a alma,
Dançar como se estivesse sozinha no quarto.
Ser bailarina é ser muito mais que um ser humano comum,
É ter um toque a mais de divindade em cada passo.
Buscar a perfeição a cada posição,
É viver a vida amando a arte única de dançar como se fosse a primeira vez.

Autor: Eduardo Fabiano Pereira


Eduardo, muito obrigada pela participação e parabéns pelo seu texto.


12 comentários:

  1. Nossa, realmente lindo poema!
    Meus parabéns!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Um poema exatamnet como nós somos.

    Sem fantasias e purezas exageradas.

    Sem vergonha para se trocar, moda própria.

    Perfeito.

    Amei :))

    ResponderExcluir
  3. Amei , lindo poema ,

    ResponderExcluir
  4. Olá flor!
    Esta rolando dois sorteios no meu blog, da uma conferida?

    www.universoblue.blogspot.com

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Ai que lindo! Amei! gostaria muito que vc seguisse nosso blog tbm! beijinhos

    http://projetoeudanco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi Isa ,

    Queria saber se vooç já voltou a fazer suas aulas de ballet ?

    E parabéns pelo blog , está cada dia mais legal :D

    ResponderExcluir
  7. Aii achei lindo lindoo o seu blog!!!

    Ainda nao estou na ponta,pq vou começar a fazer ballet ano q vem!!!rsrsrs
    É uma da minhas espectativas para o ano q vem !!!!
    To muito ansiosa pro ano q vem.Mas pra qm ja esperou 1 ,2 anos,esperar 2 meses nao vai ser nd!!!
    Eu to muito feliz,mas a minha mae nao dechava eu fazer ,ela achava q eu qria so ter a postura de uma bailarina,agir como uma,subir na ponta dos pés e só.Qndo acabasse iria fazer uma facuyldade e pronto.Adeus dança.

    Mas um dia criei coragem e disse para ela: Mae eu nao qro SÓ ter a postura de uma bailarina,eu qro SER uma bailarina mae!!
    e a resposta dela: Ta bom.Simplismente isto.

    Ela nao acredita q eu seja capaz,ela fala q eu sou muito destrambelhada,entao como eu iria ser uma bailarina?
    Ekla dizia: "destrambelhada como vc,atrapalhada,pateta (e as vezes ela falava) e sem coordenaçao,como vc qr ser uma bailarina assim???"
    Eu ficava muito mas muito triste.Mas encontrei forças para lutar pelo meu sonho de nv qndo fui na bienal do livro de Sao Paulo.La tinha um livro q eu estava procurando muito,(eu ja tinha achado em outras livrarias,mas sempre esqcia o nome)o livro é o "Escola de Dança(ou academia)" é uma coleçao q tem 3 livros,eu ja tenh0 2 destes,ainda falta o ultimo.Entao com este livro,lendo e devorando cada pagina,fui lembrando a magia de dançar,a emoçao o sentimento qndo vc salta,qndo executa um sissione perfeito ou grand jeté alta e delicado.Q delicia foi ler este çivro!Li e reli varias vezes!E neste livro encontrei a força.No começo ela disse nao.Ok td bem,mas depois,mexendo na net achei varios blogs de ballet e ai foi!Sigo inclusive o seu,q me deu forças e aqceentos para mim superar a resistencia da minha mae.Sempre visito os blogs de ballet,até q um dia,achei um blog de uma garota q mora aq em Campinas,onde eu moro.Pronto!So faltava este empurraozinho pra criar forças suficientes!Li o blog e deixei um comentario.Decidi agir por conta propria.Entrei em varios sites das academias de ballet q eu qro fazer.Peguei o numero de tds,anotei em minha agenda o nuemro e o nome peguei o tel e liguei.Ai q emoçao!Q felicidade! Eu mesma realizando o meu proprio sonho!Liguei e pedi informaçoes.Deu certo.Invoquei com a Karen Righetto Ballet.Fiquei atras da minha mae dia e noite.Até ela se ver por vencida.Ela desistiu de lutar pois nao havia como recuar e dizer "nao",pois eu ja havia ligado parea tds as escolas,pedido informaçao e tal.Entao ela me deu uma condiçao: "se vc convencer o seu pai de te levar,eu deixo".E ela sabe como isto é dificil,entao ela esperava um "nao" de resposta dele.Mas para a grandiosa surpresa dela oq recebi foi um grande "sim,concordo" e falei para ele: "nao se preocupe,pai, se for de terça,vc nao me leva!so me leva nos outros dias!!" ele concordou(terça ele tem futebol,sabe?)
    Entao minha mae ja se viu vencida por completa.Entao ela me levou para conhecer a Karen Righettho (depois de muita pressao....)Q felicidade!Ela entao viu como eu estava feliz! e acho q começou a entender q é isto q eu qro.....

    Agora so falta chegar ano q vem!!!

    (descupe se escerevi muito,estou inspirada!!)

    Bjss e A-M-E-I o seu blog,de coraçao!sou seguidora dele e de muitos outros blogs de ballet....

    ResponderExcluir
  8. Passa no meu, vais gostar de um texto que postei e escrevi :)

    ResponderExcluir
  9. ola mtu lindo seu blog!
    seguindo voce!
    me segue tbm?
    beijos!!!!
    http://stilo-pink.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. LINDO Á POESIA E GOSTARIA DE COLOCA-LA EM UM VIDEO DE MINHA FILHA NO BALLET COM AMIGUINHAS E PROFESSORAS
    COMO FAÇO ?
    PARABENS PELO SEU BLOG MUITO LINDO

    ResponderExcluir
  11. @Anônimo
    Oi! Aconselho que você entre em contato com o autor e peça autorização. Infelizmente, perdi o contato do mesmo.

    ResponderExcluir